Bolsa de Valores de Mocambique
ARCO 100,00
ARKO SEGUROS 1.250,00
CDM 60,00
CMH 2,250.00
EMOSE 15,00
HCB 1,70
PAYTECH 10,00
REVIMO 12.750,00
TOUCH 3,20
ZERO 20,00
2BUSINESS 1,00
BAYPORT 2019 Série I 20,0000%
BAYPORT 2019 Série II 19,0000%
BAYPORT 2020 Série I 16,0000%
BAYPORT 2020 Série II 21,5300%
BAYPORT 2021 Série I 19,9100%
BAYPORT 2021 Série II 19,9300%
BAYPORT 2021 Série III 19,9300%
BAYPORT 2021 Série IV 20,0300%
CM 2017 19,0000%
VISABEIRA 2020 23,0000%
OT 2005 S2 8,0000%
OT 2017 S6 18,6250%
OT 2017 S7 18,6250%
OT 2019 S1 14,9375%
OT 2019 S4 14,9375%
OT 2019 S7 19,5000%
OT 2019 S8 10,0000%
OT Fornecedores 2019 7,5625%
OT 2020 S1 16,9375%
OT 2020 S2 14,8750%
OT 2020 S3 17,0625%
OT 2020 S4 17,0625%
OT 2020 S5 19,0000%
OT 2020 S6 10,0000%
OT 2020 S7 16,9375%
OT 2020 S8 16,9375%
OT 2020 S9 17,0625%
OT 2020 S10 17,0625%
OT 2020 S11 7,1875%
OT 2021 S1 16,9375%
OT 2021 S2 16,7500%
OT 2021 S3 16,8125%
OT 2021 S4 17,6250%
OT 2021 S5 16,1875%
OT 2021 S6 16,1875%
OT 2021 S7 14,2500%
OT 2021 S8 16,3125%
OT 2021 S9 17,8750%
OT 2021 S10 14,5000%
OT 2021 S11 7,1875%
OT 2022 S1 14,5000%
OT 2022 S2 14,0000%
OT 2022 S3 15,2500%
OT 2022 S4 14,2500%
OT 2022 S5 17,0000%
OT 2022 S6 17,0000%
PC MYBUCKS 2022 S1 18,9000%
OT 2022 S7 17,7500%
OT 2022 S8 17,6250%
OT 2022 S9 17,750%
BNICOVID-19 S1 4,9440%
BNI 2021 S2 11,7000%
BNI 2021 S3 11,7500%
BNI 2022 s1 18,0000%
OT 2022 S10 19,0000

A Central de Valores Mobiliários é um serviço da Bolsa de Valores de Moçambique, que tem como objectivo garantir maior transparência e segurança ao mercado de valores mobiliários, através das seguintes acções:    

  • Registo de todos os valores mobiliários em circulação no território nacional, representados por documentos fisicos ou não, cotados em Bolsa ou não, bem como o registo de novos valores mobiliários emitidos;
  • Facilitação e controlo de todas as transacções de valores mobiliários, nomeadamente, compras, vendas, trocas, empréstimos, transferências,entre outras;
  • Fornecimento de informação credível de forma a permitir um processo transparente e justo de exercícios de direitos de conteúdo social (participação em Assembleias Gerais, fusões, entre outros) e de conteúdo patrimonial (distribuição de dividendos, pagamentos de juros, direitos de subscrição, entre outros).    

Criação e Início

A Central de Valores Mobiliários foi legalmente criada pelo Governo de Moçambique através do Decreto n.º 25/2006, de 23 de Agosto, sendo a Bolsa de Valores de Moçambique a entidade gestora, responsável pela tomada de medidas de carácter organizacional, tecnológico, contabilístico e administrativo, que garantem o seu funcionamento. Contudo, a Central de Valores Mobiliários começou a operar efectivamente à 05 de Novembro de 2014.