Bolsa de Valores de Mocambique
CDM 201,00
CMH 800,00
CETA 120,00
EMOSE 20,00
ZERO 20,00
OT 2005 S2 8.00%
BCI 2009 Sub 16.5625%
Moza Banco 2013 Sub 14.50%
CPC 2014 S1 22.75%
CPC 2014 S2 22.25%
Visabeira 2015 23.50%
OT 2015 S4 10.125%
OT 2015 S5 10.50%
OT 2015 S6 10.50%
STB 2015 S1 22.50%
STB 2015 S2 22.50%
STB 2015 S3 22.50%
BNI 2016 S1 18.75%
Bayport 2016 S1 27.25%
Bayport 2016 S2 27.2500%
OT 2016 S1 11.00%
OT 2016 S2 12.75%
OT 2016 S3 19.1875%
OT 2017 S1 17.875%
OT 2017 S2 17.50%
OT 2017 S3 17.9375%
OT 2017 S4 27.50%
OT 2017 S5 27.50%
OT 2017 S6 24.00%
OT 2017 S7 24.00%
CM 2017 27.00%
Millennium BIM 2017 18.00%
Opportunity Bank 2017 S1 21.50%
OT 2018 S1 19.00%
OT 2018 S2 10.00%
OT 2018 S3 10.00%
OT 2018 S4 10.00%
OT 2018 S5 16.00%
OT 2018 S6 16.00%
Opportunity Bank 2018 S1 22.00%
Bayport 2017 S1 21.50%
OT 2018 S7 16.00%

Decorreu de 27 de Agosto de à 2 Setembro em Ricatla, Marracuene.

A 54º edição da Feira Agro-pecuária, Comercial e Industrial de Moçambique (FACIM), a maior montra para a exposição de produtos e potencialidades nacionais e internacionais.

A Bolsa de Valores de Moçambique (BVM) participou na feira enquanto expositora, como instituição que oferece alternativas de financiamento ao mercado empresarial. O evento serviu para a BVM expor os seus serviços e produtos, criar parcerias com potências investidores e divulgar informação sobre o seu papel no sistema financeiro a na nossa economia.

Durante a feira, foram realizados seminários promovidos pela Agência para a Promoção de Investimento e Exportação e pela Agência do Desenvolvimento do Vale do Zambeze e algumas embaixadas, com objectivo de alargar o mercado, promover investimento e parcerias.

Nesta senda, a Bolsa de Valores de Moçambique apresentou no seminário no dia 30 de Agosto o tema sobre os Mecanismos de Financiamento à e Economia através da BVM. O evento contou com a presença de parceiros da Bolsa, empresários e investidores.

Ainda no decorrer da feira, a BVM proferiu uma palestra aos estudantes da 11ª e 12ª classe da Escola Secundária da Guazamuthine para falar da importância da poupança, as formas de investimento e a importância da Bolsa de Valores na economia do País.

O balanço da participação da BVM na FACIM foi positivo, sobretudo, porque estabeleceu vários contactos com empresas, e potenciais investidores interessados em usar os serviços que o Mercado Bolsista oferece ao mercado.


Fotos do Evento