Bolsa de Valores de Mocambique
CDM 200,00
CMH 890,00
CETA 120,00
EMOSE 20,00
MATAMA 375,00
ZERO 10,00
OT-2005-S2 8.00%
BCI-2009-Sub 27.3125%
MOZA-BANCO-2013-Sub 100.00
CM-2013-S2 26.75%
OT-2013-S4 9.875%
CPC-2014-S1 27.25%
CPC-2014-S2 26.75%
OT-2017-S4 27.50%
OT-2014-S6 10.75%
OT-2014-S7 10.25%
OT-2014-S8 10.125%
Visabeira-2015 13.00%
OT-2015-S1 10.00%
OT-2015-S2 10.00%
OT-2015-S3 10.00%
OT-2015-S4 10.13%
OT-2015-S5 10.50%
OT-2015-S6 10.50%
STB-2015-S1 27.25%
STB-2015-S2 27.00%
STB-2015-S3 27.00%
BNI-2016-S1 23.25%
BAYPORT-2016-S1 31.75%
BAYPORT-2016-S2 32.00%
OT-2016-S1 11.00%
OT-2016-S2 12.75%
OT-2016-S3 29.3125%
OT-2017-S1 27.00%
OT-2017-S2 27.00%
OT-2017-S3 27.00%

O Presidente do Conselho de Administração da BVM, Salim Valá, visitou à Província de Cabo Delgado, entre 16 a 21 de Abril, tendo-se feito acompanhar de uma equipa técnica multidisciplinar da BVM.

No âmbito do Programa de Educação Financeira da BVM, alinhada com a Estratégia Nacional de Inclusão Financeira 2016-2022, foram desenvolvidas diversas acções e iniciativas (apresentações, palestras, visitas) com o objectivo de dar a conhecer aos agentes económicos locais as vantagens e benefícios do mercado de capitais e da bolsa de valores, procurando promover a adesão do sector empresarial ao mercado bolsista.

O programa da visita organizado pelo Governo da Província de Cabo Delgado, privilegiou a interação com os mais relevantes intervenientes - Governo Provincial, Administradores Distritais, Empresários, Comunidade Académica, Comunidade Estudantil -, acompanhadas de visitas a projectos de interesse económico, nos Distritos de Balama, Montepuez e Mecúfi.

No âmbito do Programa da Visita da BVM à Província de Cabo Delgado, foram realizadas várias iniciativas com os Empresários (workshop para divulgação da Bolsa, onde se abordaram os procedimentos de admissão à cotação, vantagens de investir no mercado bolsista e alternativas de financiamento), com a Comunidade Académica (Palestra na Universidade Católica de Moçambique) e com a Comunidade Estudantil (Instituto Comercial e Industrial de Pemba), que servirá para divulgar o Mercado de Capitais e a Bolsa de Valores.

Durante o contacto com a Província, a BVM instou os membros do Governo Provincial a encorajarem os Empresários locais a aderirem à Bolsa de Valores, como forma de dinamizar a economia da Província, dar a conhecer o potencial da região, dar maior visibilidade as empresas e divulgar  melhor as iniciativas do sector empresarial.

Fotos do Evento