Bolsa de Valores de Mocambique
ARCO 100,00
ARKO SEGUROS 1.250,00
CDM 70,00
CMH 2,100.00
EMOSE 17,00
HCB 2,00
PAYTECH 10,00
REVIMO 12.750,00
TROPIGALIA 130,00
TOUCH 3,20
ZERO 20,00
2BUSINESS 1,00
BAYPORT 2019 Série I 20,0000%
BAYPORT 2019 Série II 19,0000%
BAYPORT 2020 Série I 16,0000%
BAYPORT 2020 Série II 21,5300%
BAYPORT 2021 Série I 19,9100%
BAYPORT 2021 Série II 22,2300%
BAYPORT 2021 Série III 22,2300%
BAYPORT 2021 Série IV 20,0300%
CM 2017 19,0000%
VISABEIRA 2020 25,0000%
OT 2005 S2 8,0000%
OT 2017 S6 20,6250%
OT 2017 S7 20,6250%
OT 2019 S1 14,9375%
OT 2019 S4 14,9375%
OT 2019 S7 19,5000%
OT 2019 S8 10,0000%
OT Fornecedores 2019 7,5625%
OT 2020 S1 16,9375%
OT 2020 S2 14,8750%
OT 2020 S3 17,0625%
OT 2020 S4 17,0625%
OT 2020 S5 19,0000%
OT 2020 S6 10,0000%
OT 2020 S7 19,2500%
OT 2020 S8 19.2500%
OT 2020 S9 17,0625%
OT 2020 S10 17,0625%
OT 2020 S11 9,3750%
OT 2021 S1 16,9375%
OT 2021 S2 16,7500%
OT 2021 S3 16,8125%
OT 2021 S4 17,6250%
OT 2021 S5 18,5000%
OT 2021 S6 18,5000%
OT 2021 S7 14,2500%
OT 2021 S8 16,3125%
OT 2021 S9 17,8750%
OT 2021 S10 14,5000%
OT 2021 S11 9,3750%
OT 2022 S1 14,5000%
OT 2022 S2 14,0000%
OT 2022 S3 15,2500%
OT 2022 S4 14,2500%
OT 2022 S5 17,0000%
OT 2022 S6 17,0000%
PC MYBUCKS 2022 S1 18,9000%
OT 2022 S7 17,7500%
OT 2022 S8 17,6250%
OT 2022 S9 17,750%
OT 2022 S10 19,0000
OT 2022 S11 17,5000%
BNICOVID-19 S1 4,9440%
BNI 2021 S2 11,700%
BNI 2021 S3 11,7500%
BNI 2022 S1 18,0000%
BAYPORT 2022 Série I 22,0000%

Decorreu no dia 24 de Novembro 2022 em Maputo,

a conferência subordinada ao tema “Financiamento à Indústria via Mercado de Capitais e Banca de Desenvolvimento”, organizada pela Associação Industrial de Moçambique (AIMO) e pela Ordem dos Engenheiros de Moçambique (OrdEM),onde a Bolsa de Valores de Moçambique (BVM)participou como parceira da iniciativa.

O evento contou com a participação dos principais players do sector da indústria, bem como com representantes do Governo através do Ministério da Indústria e Comércio, do ISUTC, do BNI, do Banco BIG, entre outros.

Na nota de abertura, o Presidente da AIMO, Rogério Samo Gudo, referiu que o processo de industrialização só pode ocorrer se estiverem presentes todos os meios necessários. “Olhando para aqueles que são os factores de competitividade industrial, como é o caso qualidade de formação, o acesso a energia eléctrica, e o acesso ao mercado, a escala, entre outros, vemos um grande desafio pela frente”, referiu Samo Gudo.

Reconheceu que os desafios que ainda persistem a volta da complementaridade e articulação entre as políticas públicas, com ênfase na política fiscal e monetária, assim como as políticas do âmbito sectorial que permitem o florescimento da indústria nacional, que actualmente enfrenta o desafio de fraco crescimento, produtividade e competitividade, assim como da fraca integração inter-industriais, incluindo com sectores de produção de matérias primas, com destaque para a agricultura, mineração e outras áreas.

Por seu turno, o PCA da Bolsa de Valores, SalimCriptonValá, apresentou o tema referente aos Desafios, vantagens e oportunidades do financiamento das empresas industriais pela via do mercado de capitais. Instou aos membros associados da AIMO a usarem a BVM para se financiar e investir.  “a industrialização não é um dos caminhos, a industrialização é o caminho para o desenvolvimento sustentável de Moçambique, pois vai permitir a redução das importações a todos os níveis″ ,  sublinhouValá.

Na ocasião, foi rubricado um Memorando de Entendimento entre e AIMO e a BVM que visa trazer um contributo para o financiamento das operações industriais incluindo o estabelecimento dos termos, condições e mecanismos de parceria para a promoção de acções tendo em vista melhorar o ambiente de negócios, crescimento de oportunidades empresariais e disponibilização de informação financeira e económica em tempo oportuno.

O Memorando procurou fortalecer a parceria no apoio ao desenvolvimento da capacidade e estrutura competitiva do empresariado nacional; Implementação conjunta de “roadshows” e promoção de boas prácticas no que diz respeito às vantagens da cotação em bolsa; e Implementação conjunta de acções de formação avançada nas áreas da legalidade e gestão corporativa das empresas, boas práticas de negócios, ética, gestão e literacia financeira, planeamento estratégico e pesquisas de mercado, para as empresas seleccionadas pela BVM e a AIMO.

 

 

 Fotos do Evento